• Currently 3.24/5

Rating: 3.2/5 (736 votos)

ONLINE
1


 



   Caderno do ACS


Boletins epidemiológicos

 

Boletim Epidemiológico, editado pela Secretaria de Vigilância em Saúde, é uma publicação de caráter técnico-científico, acesso livre, formato eletrônico com periodicidade mensal e semanal para os casos de monitoramento e investigação de doenças específicas sazonais. A publicação recebeu o número de ISSN: 2358-9450. Este código, aceito internacionalmente para individualizar o título de uma publicação seriada, possibilita rapidez, qualidade e precisão na identificação e controle da publicação.

Ele se configura como instrumento de vigilância para promover a disseminação de informações relevantes qualificadas, com potencial para contribuir com a orientação de ações em Saúde Pública no país. No Boletim Epidemiológico são publicadas descrições de monitoramento de eventos e doenças com potencial para desencadear emergência de Saúde Pública; análises da situação epidemiológica de doenças e agravos de responsabilidade da SVS; relatos de investigação de surtos e de outros temas de interesse da Vigilância em Saúde para o Brasil.

 

Ano: 2020

BE Vol. 51 Nº 4 - Novo coronavírus (2019-nCoV); e vigilância de violências e acidentes no Brasil: análise da cobertura da notificação compulsória de violência interpessoal/autoprovocada nos municípios brasileiros

♦ BE Vol. 51 Nº 3 - Identificação de um caso de febre hemorrágica brasileira no estado de São Paulo, janeiro de 2020

BE Vol. 51 Nº 2 – Monitoramento de dengue, chikungunya e Zika, até a SE 52 de 2019; Campanha de vacinação contra o sarampo

BE Vol. 51 Nº 1 - Situação epidemiológica, fluxograma classificação de risco e manejo clínico da febre amarela; Evento de monitoramento internacional: China – Pneumonia de etiologia desconhecida; Violência contra mulheres e meninas do campo, da floresta e das águas

 

 

Fonte: Ministério da Saúde

Disponível em: http://www.saude.gov.br/boletins-epidemiologicos#

Seja bem-vindo!

 

Essa página foi criada com o objetivo de destacar informações de relevância a promoção da saúde dos usuários/pacientes que utilizam os serviços da Estratégia Saúde da Família.

Contudo essa página não pretende oferecer soluções imediatistas para os dilemas da vida humana, simplesmente vai sugerir uma outra maneira de raciocinar sobre os conflitos existenciais do cotidiano comum da população. 

Vale ressaltar que essa é uma pagina não governamental.

 

Fique à vontade!

 

Edilon Miranda

COREN-ES 350768 - Enfermeiro

Especialista em Estratégia Saúde da Família pela UERJ


 Sites dos Conselhos:


Sites Úteis: